Menu
Angola: FMI projecta inflação de cerca de 14% até final de 2015

Angola: FMI projecta inflação de ce…

O mais recente relatório ...

Fitch baixa nota financeira de Angola para ‘B+‘

Fitch baixa nota financeira de Ango…

A Fitch - agência de nota...

Angola: Derrame de petróleo afecta meio ambiente e praias de Cabinda

Angola: Derrame de petróleo afecta …

A multinacional Chevron -...

Em Luanda vivem 122 milionários angolanos - diz estudo

Em Luanda vivem 122 milionários ang…

Em Luanda, a capital de A...

Aaron Hernandez condenado a prisão perpétua

Aaron Hernandez condenado a prisão …

O ex-jogador da equipa de...

Arranca julgamento de Aaron Hernández suspeito de matar dois cabo-verdianos

Arranca julgamento de Aaron Hernánd…

Teve início nesta quinta-...

Two Cape Verdeans Flying the Skies of America

Two Cape Verdeans Flying the Skies …

The Capeverdeans Mauricio...

Dois Cabo-verdianos pilotos da JetBlue

Dois Cabo-verdianos pilotos da JetB…

Os cabo-verdianos Mauríci...

Cabo Verde se absteve na votação para admissão da Palestina na Unesco

Cabo Verde se absteve na votação pa…

Dos membros da comunidade...

Barney Frank: Um grande defensor de Cabo Verde no Congresso americano anuncia retirada

Barney Frank: Um grande defensor de…

Com a decisão do represen...

Prev Next

Angola: Rede de lojas RBS pode estar na rota da Europa

Angola: Rede de lojas RBS pode estar na rota da Europa

A RBS store, uma rede distribuidora de roupas baseada em Angola, pode estar à conquista do mercado europeu, de acordo com um artigo publicado pela revista Forbes. Brevemente, a RBS iniciará a comercialização de seus produtos em lojas multimarcas na Espanha e Portugal.

Criada por Rui Silva, 38 anos, nascido em Malawi, filho de mãe moçambicana e pai português, a rede foi erguida em Angola onde o empresário se fixou em 2005.
Recentemente participou na festa da Vogue em Lisboa, Portugal, e este ano já conquistou os prémios de 'Loja do Ano' e 'Marca/ Linha de Roupas do Ano' no "Angola Fashion Awards", realizado em Luanda, no mês de Setembro.
Além de sete unidades instaladas em Angola, a empresa já tem sucursais em Gana, Moçambique, Namíbia e Ilhas Maurícias e está em vias de expandir-se para Kinshasa, no Congo; e para a Cidade do Cabo e Joanesburgo, na África do Sal.

back to top